Bibliotecas (estranhas) que tanto amamos – Projeto “Ninho de Livros” chega até Fortaleza

LEITURA

Ler é muito massa, eu vo-lo digo!

Sim, claro, eu não sou a pessoa mais indicada para falar do assunto, mas eu assino embaixo dessa prática. Mesmo que existam estudos afirmando que nossos corpos e mentes não são adaptados para leitura, o que faz do hábito de Ler coisa ainda mais importante e a Educação ganha ares bastante significativos de Vitória para a evolução da Raça Humana.

Comemoremos, então! Essa Vitória é sua também!

VikingsDrinkingBeer
IIIIIIIEEEEEEIIII! (aquela vaia característica dos cearenses)…

Se a Leitura é, conforme entendimento acima, algo tão importante, me façam a fineza de proporcionar este hábito aos outros que não tem condições de ter um celular com Android e um leitor de PDFs ou um Kindle da vida. Eu já tratei de iniciativas desse tipo (lembra do Biblioburro na Colômbia e da Arma de “Instrução” em massa na Argentina?), e hoje trago a notícia de que uma iniciativa dessas foi tomada em Fortaleza.

Esta postagem me deixa mais feliz do que uma vaca no pasto.

O PROJETO NINHO DE LIVRO

Pelo que me consta, o referido projeto começou na França e foi trazido pra cá pelas gatíssimas Myrtes Mattos e Renata Tasca, quando estas estiveram na Terra dos Perfumes. Em entrevistas para diversas mídias, o maior receio delas de trazer a ideia cá era exatamente essa que você está pensando: Será que vão depredar os “ninhos” ou sumir com os livros?!

Agora pare tudo o que você está fazendo e pense no assunto… Somos REALMENTE na ideia de troca e AINDA MAIS relutantes no que diz respeito ao uso do espaço público, sou bastante honesto sobre isso.

Acho que é por isso que não tenho muitos amigos, mas isso não vem ao caso.

As moças resolveram pagar pra ver… literalmente. Instalada na Praça Sarah Kubitschek (Copacabana), custeada com verba própria, o primeiro “ninho” foi instalado e os livros carimbados com instruções sobre o projeto. Agora era aguardar alguém que se interesse e… HEY! Deu certo, os livros foram trocados, estava funcionando.

Myrtes Mattos e Renata Tasca - Idealizadoras do Ninho de Livro no Brasil
Myrtes Mattos e Renata Tasca – Idealizadoras do Ninho de Livro no Brasil

Na falta de grana, Renata e Myrtes pretendiam apelar para o Rodízio (onde os ninhos poderiam mudar de ambiente periodicamente), mas o apoio veio e não apenas a permanência do Ninho de Livros foi garantida, mas outros ninhos foram instalados.

NINHO DE LIVRO EM FORTALEZA

A Avenida Santos Dumont, em frente ao Shopping Del Paseo irá receber hoje (sexta, dia 31/07/2015, 16H) um dos dez ninhos responsáveis por iniciar o projeto em Fortaleza. Renata Tasca e Myrtes Mattos são fundadoras da Agência Satrápia (em agosto de 2013), agência voltada para inovações sociais com (ou sem) auxílio do poder público.

Iniciativas interessantes como essa facilitam o acesso de bagagem intelectual para todos. Com efeito, é algo que deve ser encorajado e não é difícil colaborar, basta disposição/coragem, um pouco de grana (claro) e bom senso.

Então, quando você estiver em um ambiente voltado para a leitura (tipo a sala de leitura do shopping Benfica), dê sua colaboração, faça silêncio… ou se mate. O que for mais benefico.

Eu ajudo, se quiser.

Será que eu sou o único que reclama da falta de educação dos frequentadores da sala de leitura do Shopping Benfica?!

Anúncios

Comenta aí, pô!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s