Ossadas encontradas na Tumba em Anfípolis seriam de cinco pessoas

A descoberta de uma Tumba de proporções monumentais, vinculado a possibilidade de que esta tumba seria, na pior das hipóteses, de alguém ligado ao Lendário Alexandre Magno causou tremendo furor na sociedade grega, o que serviu para dissipar (pelo menos um pouco) a situação problemática dos gregos.

Sério, até abriram uma página sobre a crise financeira da Grécia no Wikipédia.

Desde o dia da descoberta da Tumba (chegamos a postar uma apresentação em 3D da tumba) até o presente momento, muitas coisas aconteceram e nem tudo eu acabei noticiando neste Espaço Virtual que deixa as notícias escaparem como água por entre os dedos.

Sim, eu sou um energúmeno de marca maior, admito.

Mas apenas um Homem de verdade seria capaz de admitir sua inutilidade cavalar em público. Não que isso me isente do fato, ainda sou um energúmeno de marca maior, mas estou tentando virar a mesa.  Cá estou para noticiar tudo o que acontece em Amphipolis (região grega da Macedônia).

Parte da entrada da monumental tumba em Amphipolis
Parte da entrada da monumental tumba em Amphipolis

QUEM ESTÁ SEPULTADO NO TÚMULO DE AMPHIPOLIS

Em Novembro/14 a equipe da arqueóloga Katerina Peristeri adentrou a tumba, passando pelas enormes Cariátides que guardavam a entrada. Dentro da tumba, depois de três camadas, encontraram um túmulo de calcário e restos de caixões de madeira. Ao todo, cerca de 500 ossos foram achados (inteiros e quebrados), entre humanos e animais (provavelmente cavalos).

De acordo com o Ministro Grego de Antiguidades, os estudos preliminares identificaram cinco pessoas na tumba.

Dos cinco indivíduos, dois foram identificados como homens adultos entre trinta e quarenta e cinco anos de idade (altura que varia entre 1,61m e 1,68m). Um deles tem um ferimento (se é que podemos chamar assim) do lado esquerdo do peito, o que poderia ser causado por uma espada ou faca e que, provavelmente, foi o ferimento que causou sua morte.

Outra ossada foi identificada como uma mulher, acima de 60 anos, altura de 1,57m.

Ainda sobraram outros dois restos mortais (seriam um adulto e um recém nascido), encontrados cremados, o que dificulta bastante a identificação. Da criança só foi achada o úmero esquerdo e parte da mandíbula esquerda.

DIFICULDADES NA IDENTIFICAÇÃO

A dificuldade de identificar os restos mortais é multiplicada por outro fator: Ossadas de animais também foram encontradas. forçou a equipe a chamar especialistas e criar um banco de dados para uma posterior identificação.

Conforme informado anteriormente, muitas das ossadas não estão inteiras ou comprometidas (como é o caso dos indivíduos cremados), na verdade, cerca de 157 ossos foram levados para uma análise mais apurada.

MOSAICO DE PERSÉFONE E HADES

Também foi encontrado um mosaico bastante conservado que retrata o Sequestro de Perséfone por Hades. Há um tremendo buraco no meio da imagem, mas é perfeitamente visível a qualidade da ilustração.

Persefoni_Amfipolis
Mosaico mostrando o rapto de Perséfone

Outros mosaicos interessantes já foram encontrados e, da mesma forma, em ótimo estado de conservação como é o caso dos mosaicos encontrados em Zeugma, onde as Nove Musas eram representadas.

Anúncios

Comenta aí, pô!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s