Escultor suíço reconstrói rosto da “Princesa de Ukok”

Encontrada em um permafrost, em 1993, no planalto de Ukok (2.500 metros acima do nível do mar), foram encontradas os corpos de dois guerreiros, seis cavalos e uma mulher. Arqueólogos e estudiosos acreditam que se trate de uma princesa ou uma curandeira (mulher santa), por conta das tatuagens e dos artefatos encontrados com ela.

A mulher é conhecida como Princesa de Ukok.

O escultor suíço Marcel Nyffenegger cuidou da reconstrução de um modelo onde seriam revelados os aspectos que a Princesa de Ukok tinha, enquanto viva. O resultado, segundo o próprio Marcel, é um nível de aceitação entre 70 e 75%.

Um trabalho semelhante foi apresentado no Documentário Nefertiti Revelada, onde o rosto da bela do Egito foi reconstruído, com base nas medidas tiradas da múmia residente na tumba KV-36.

Anúncios

Comenta aí, pô!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s