Google homenageia Dian Fossey (zoóloga americana)

Doodle - Dian FrosseyEstamos cá novamente, com mais uma homenagem da Gigante da Internet aos homens célebres que fizeram história em sua época. Conhecido como Doodles, a logomarca do Google ganha temática nova, reinventada, de acordo com o homenageado da vez.

Dessa vez é uma homenageada.

A zoóloga Dian Fossey, nascida no dia 16 de janeiro de 1932, estudou o comportamento dos Gorilas-das-Montanhas, sempre crescendo em sua área de atuação. Chegou a escrever um livro chamado Gorillas in the Mist e seu trabalho a levou até o Zaire, Congo e Ruanda, onde fundou o Centro de Pesquisa Kariskore, em 1967. O livro virou filme e Dian foi interpretada pela maravilhosa Sigourney Weaver.

Ah, tenente Ellen Ripley, adoro mulheres sem frescura…

… opa, voltando ao assunto, apesar de todo o seu trabalho e o reconhecimento acadêmico por sua pesquisa, ainda existe muita gente filha da puta que não admite ser afrontada. No caso de Dian Fossey, a pedra em seu sapato fechado seriam os caçadores que estavam perdendo espaço.

Depois de concluir seu livro, Dian voltou para Kariskore e acabou descobrindo que seu gorila favorito, Digit, foi morto por caçadores. Nessa hora, a mulher endoidou e comprou a briga.

A sepultura de Dian Fossey
A sepultura de Dian Fossey

Entendam que Digit não foi morto pura e simplesmente por vingança ou coisa do gênero. Gorilas dessa espécie, geralmente, são mortos para a criação de artigos luxuosos. Os caçadores decepam as mãos dos bichos e, com elas, fazem cinzeiros. Até onde consegui apurar, existem menos de mil gorilas-das-montanhas vivos no mundo inteiro e não haveria mais nenhum se não fosse a intervenção de Dian Foosey.

Assim é o bicho homem.

Dessa forma, nossa heroína ganhou inimizade com os caçadores e o exército corrupto de Ruanda. Em 1985, a zoóloga foi encontrada morta em sua cabana, assassinada. Ninguém conseguiu descobrir o assassino, especula-se que se trate de algum caçador puto com o movimento contra a caça ou mesmo algum integrante corrupto do exército de Ruanda.

Apesar dos pesares, nada foi em vão. O trabalho que desenvolveu ganhou notoriedade a partir de Leakey e da National Geographic Society, além da fundação internacional que luta pela preservação dos gorilas das montanhas onde realizou suas jornadas e anotações. Essa instituição (The Dian Fossey Gorilla Fund International – www.gorillafund.org). Existem outras postagens legais sobre o assunto no Blog Arquivom’s e no site Imagens Históricas.

Anúncios

Comenta aí, pô!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s