Um delírio sobre o enterro de Erich Priebke

Eu não sei como anda o método de ensino de História nas escolas atualmente, datas e nomes de locais, além de nomes e descrições detalhadas de eventos marcantes da nossa peregrinação terrestre importavam bastante nas avaliações do meu tempo.

Falei igual ao meu pai.

A Segunda Grande Guerra Mundial foi, com efeito, um dos eventos mais desastrosos na história da humanidade. O número de mortos na Segunda Guerra Mundial é espantoso, a coisa fica ainda pior se levarmos em conta a pretensão de apagar o povo judeu do mapa, e olha que quase conseguiram.

O então Capitão da SS Erick Priebke
O então Capitão da SS Erick Priebke

Contudo, por mais evidente, muitos ainda lutam para passar para as próximas gerações uma inverdade: O Holocausto foi forjado. Existem até documentários que tentam apontar evidências de que o Holocausto não passa manipulação de massa. Você pode encontrar material sobre esse assunto aqui. Conteúdo dessa natureza sustenta a ideia de que o massacre dos judeus é mentira que impera, mas o apelo emocional impede as pessoas de abrirem mão dessa “suposta” mentira.

Se o Holocausto foi forjado, eu não sei, mas que Luta Livre e o BBB são mentiras descaradas e o povão acredita, isso é fato!

“Quem domina o Passado, domina o Futuro. Quem domina o Presente, domina o Passado.”
George Orwell – 1984

Enfim, tanto rodeio para falar de alguém que atuou constantemente no Holocausto. Se alguém pode comprovar a veracidade do terror na vida de centenas de milhares de judeus e suas assombrosas e variadas formas de execução, esse alguém é Erich Priebke.

O chamado “Carrasco Nazista”, Erick Priebke era ex-Capitão da temida Schutzstaffel (conhecida como SS – uma organização paramilitar ligada ao partido nazista de Adolf Hitler) e é o típico filho da puta por convicção. Participou de um dos maiores crimes praticados pela “Tropa de Proteção” do partido nazista, conhecido como Massacre de Ardeatine, no dia 24 de março de 1944. Na rua de Ardeatine, havia uma pedreira onde derca de 335 homens e mulheres foram fuzilados, empilhados e escondidos.

Cerca de quatro meses depois, os mortos foram encontrados, já totalmente irreconhecíveis. Atualmente no local existe uma homenagem aos mortos, considerados mártires. Constatou-se, depois de pesquisas, que a maioria dos mortos em Ardeatine eram Partigianis, os heróis da resistência italiana contra o movimento nazifascista.

Grupo de Partigianis
Grupo de Partigianis que resistiu ao Movimento Nazista durante a Segunda Grande Guerra Mundial

O maior problema nessa situação é que o carrasco nazista viveu, desde o final da Segunda Grande Guerra Mundial sem o menor inconveniente. Seguiu sua vida como cidadão respeitável e sem maiores dores de cabeça.

Até 1994, quando foi extraditado para a Itália.

Julgado por crimes contra a humanidade, Erick Priebke sustentou uma postura orgulhosa por sua lealdade ao Partido Nazista. Essa semana, apesar de estar morto, ainda sofre bullying, já que a Prefeitura de Roma já avisou que não quer enterrar o ex-capitão da SS nem pagando. Inclusivel, as portas de todas as igrejas de Roma estão fechadas para o referido assassino, que nunca se arrependeu de seus crimes.

O cara é mais cruel do que engasgo durante o sono.

Apesar de alguns padres serem liberados para proceder com um funeral privado, a população atua constantemente na intenção de evitar um funeral religioso para Erick.

Existe, ainda, um grupo de religiosos que recentemente quebrou vínculo com a Santa Sé, os Lefebvrianos, seguidores do bispo Marcel Lefebvre que foi contra reformas da Igreja Católica. O referido grupo também foi consultado para uma possível cerimônia religiosa para Erick Priebke, contudo, acabou sendo infrutífera qualquer negociação. Nem mesmo os indignados contra as atuais reformas religiosas querem conversa com um genocida velho e egocêntrico.

O destino do cadáver do orgulhoso nazista parece ser igual ao dos assassinados na escura pedreira em Ardeatine em 1944.

Anúncios

1 comentário Adicione o seu

  1. Não o conheci, nao tenho nada contra ele, e o que a estoria sionista dona do mundo conta não passa de um holoconto bem mal fadado , os herois do mundo nao falam nada dos verdadeiros holocaustos, verdadeiros holodomores, verdadeiras tentativas infrutiferas de acabam com uma nação inteira, sinto muito mas meus culhões doem ao pensar nestas fartas farsas do partido dos trabalhadores brasileiros,kkkkkk

    Curtir

Comenta aí, pô!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s