Um delírio sobre o gás Sarin

Problemas, gente, muitos problemas.

Primeiro foi o blecaute na região Nordeste, depois foi a súbita greve de motoristas em Fortaleza que pegou todos os fortalezenses de calça curta. Recentemente tivemos mais motivos para perder os cabelos como Ameaçadoras chuvas em Santa Catarina, um tremendo  Vendaval em São Paulo, além de terrorismo em shopping no Quénia. Para piorar, houve esse tal de ataque químico na Síria. O gás sarin foi  vilão desse ataque cujo número de vítimas ainda é incerto, porém, mais de 1,400 pessoas foram atingidas com o ataque.

São claros sintomas de um mundo sem Chiclete com Banana.

Contudo, você sabe os efeitos causados por esse diabo desse gás tão horrível?!

O QUE XAVASCAS É O GÁS SARIN?


Conforme comentado anteriormente, o Sarin é um composto carbonofosforado e, em sua forma mais pura, é incolor e inodoro. Na forma líquida, evapora quase instantaneamente em contato com o ar e não apenas ataca os homens por inalação, mas também é absorvido pela pele e pode passar horas no ar. Basicamente, o Sarin bloqueia a passagem do acetilcolinesterase, um neurotransmissor que age no seu cérebro, evitando o acúmulo acetilcolina em suas junções neuromusculares.

Não ficou muito bom, né.

Então… resumindo a ópera, o sarin manda o cérebro enrijecer toda tua musculatura. Essa informação chega aos músculos através das junções neuromusculares (é a parte do músculo onde existem terminações nervosas, faz o cérebro comandar o músculo). Normalmente, depois disso, o cérebro despeja uma dose de acetilcolinesterase, um negócio que avisa pros músculos que já podem relaxar.

O sarin evita que os músculos recebam tal aviso.

Dessa forma, o cara fica todo travado sem conseguir se mexer, respirar direito, engolir saliva… enfim, o cidadão fica totalmente indefeso, além de outros efeitos como náuseas, diarreia, frequência cardíaca e pressão arterial alterada (pra mais ou pra menos), coriza, confusão e outros. Antigamente era usado no controle de pragas (humanos, por exemplo) e foi desenvolvida uma forma mais ofensiva do produto na Alemanha Nazista e logo viraria arma química. As Nações Unidas classificaram o Sarin como arma de destruiçao em massa através da Resolução 687. Somente a Alemanha Nazista poderia conceber algo tão desumano.

Bom, talvez o Pica-pau, acho que ele é pior que um nazista, mas isso não vem ao caso.

A equipe chamada para averiguar possíveis indícios de um ataque com armas de destruição em massa no fatídico evento em Damasco (região de Ghouta) terminou suas pesquisas e comprovou o uso do famigerado gás Sarin.

O vídeo publicado na internet mostrando os efeitos do gás na população chegou a ser considerado Fake por exibir pessoas morrendo sob forte influência do agente químico e pessoas que auxiliavam no amparo não sofriam qualquer mazela quando expostas ao mesmo agente químico.

Os Estados Unidos acusa o lider da Síria de protagonizar o ataque, porém, o velho Bashar Al-Assad nega veementemente as acusações (para variar) e ainda aponta o dedo para grupos rebeldes que desejam usurpar o poder. Na verdade, os Estados Unidos já chegaram a declarar uma intervenção militar direta contra a Síria, porém, EUA e Rússia prometem livrar a Síria das armas químicas.

OUTROS EPISÓDIOS COM O GÁS SARIN
Eu não sei quantos de vocês tem a minha idade, porém, em 1995 houve um ataque com arma química (em escala bem menor) no metrô de Tókio. Cerca de cinco pessoas levavam onze sacolas com o Sarin e liberaram tudo na hora de maior movimento do referido metrô. O grupo Aum Shinrikyo (ou Aleph) foi responsabilizado na época.

Anúncios

Comenta aí, pô!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s