FUMAÇA BRANCA – Cardeais escolhem o Novo Papa

FONTE ORIGINAL: G1

O conclave, reunião de cardeais, escolheu nesta quarta-feira (13) o novo Papa, sucessor de Bento XVI à frente da Igreja Católica Apostólica Romana.
A fumaça branca se ergueu da chaminé no teto da Capela Sistina, no Vaticano, indicando que os 115 cardeais eleitores já escolheram o nome do novo líder dos católicos, provavelmente na quinta votação secreta do conclave.
A fumaça apareceu por volta das 19h08 locais (15h08 de Brasília).
Inicialmente, ela parecia negra, mas logo ficou branca e foi recebida com júbido pela multidão que tomava a Praça de São Pedro, apesar da chuva e do frio. Os sinos da Basílica de São Pedro tocaram em festa pela escolha do 266º pontífice.
O conclave, votação secreta que escolhe o novo pontífice, foi convocado após a renúncia de Bento XVI, anunciada em 11 de fevereiro e concretizada em 28 de fevereiro.
Bento XVI saiu alegando que não tinha mais forças para a tarefa de liderar a igreja. Seu pontificado foi marcado por várias crises, pelo escândalo do acobertamento da pedofilia e pelo vazamento de documentos secretos no chamado escândalo VatiLeaks.
O nome de sucessor de Bento XVI deve ser conhecido cerca de 45 minutos após a aparição da fumaça branca.
Seu nome deve ser anunciado pelo protodiácono, o mais velho dos cardeais diáconos, o francês Jean-Louis Tauran, da sacada do Palácio Apostólico.
Dez minutos depois, o novo Papa vai dar a primeira bênção “Urbi et Orbi” (para a cidade de Roma e para o mundo) de seu pontificado, da varanda da Basílica de São Pedro..
O conclave ocorreu após dez congregações gerais de cardeais, nas quais os problemas da igreja foram debatidos exaustivamente, em meio a muitas especulações e conversas de bastidores sobre os prováveis papáveis.
A imprensa italiana afirmou que um dos principais temas das congregações foi um dossiê preparado no ano passado, a pedido do hoje Papa Emérito Bento XVI, sobre irregularidades na Cúria Romana. Cardeais estariam pressionando pelo acesso ao documento.
Questionados abertamente, o Vaticano e cardeais minimizaram a importância do documento.
O cardeal brasileiro Dom Odilo Pedro Scherer foi citado como um dos favoritos, em uma eleição considerada, pelos vaticanistas, bastante disputada e incerta.
Renúncia de Bento XVI
Bento XVI, desde 28 de fevereiro Papa Emérito, anunciou em 11 de fevereiro que havia decidido renunciar. Foi o primeiro pontífice a renunciar em mais de seis séculos, o que criou situações praticamente inéditas para a Igreja Católica Apostólica Romana.

Desde a renúncia, Bento XVI está em Castel Gandolfo, a residência de verão dos Papas, que fica a cerca de 25 km do Vaticano. Ele permanecerá lá por 2 meses e depois ficará recluso num antigo convento sobre as colinas do Vaticano, com vista para a cúpula da Basílica de São Pedro.
O Vaticano informou que Bento XVI está acompanhando o conclave pela imprensa e orando.

Anúncios

Comenta aí, pô!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s