Um delírio sobre o Oscar 2012

http://img.estadao.com.br/topicos/imagens/630x400/MontagemOscar_2.jpg
http://img.estadao.com.br/topicos/imagens/630×400/MontagemOscar_2.jpg

Não sei quantos de vocês acompanharam o Oscar, o maior prêmio dedicado ao cinema. Também não sei quantos de vocês, assim como eu, acompanharam o Oscar com alguma espectativa de premiação.

Eu sempre tento acompanhar este que é o ápice competitivo da 7ª arte e posso dizer com franqueza ser uma das sete pessoas neste país que não ficou indignado com a premiação ao italiano A Vida é Bela. O filme Central do Brasil não tinha como competir, vai por mim. As intenções da academia são mediadas pela época e 1999 pedia A Vida é Bela. Sou brasileiro, vi a premiação em 1999, adoro este filme e ainda assim não considero meu nacionalismo abalado.

Enfim, voltando ao ano de 2012, agora o asunto é Melhor Música e não concordei com a premiação de Man or Muppet no lugar de Real in Rio, como falei anteriormente, a América estava tomada de saudosismo barato, portanto, deu Muppets para os comedores de Hamburguer.

Percebam que o “momento” como potência de influência na opinião da Academia é uma constante. Já falei que isso também acontece em outro momento certamente polêmico. O Melhor Filme Avatar (James Cameron) perdeu para o “baratinho” Guerra ao Terror (Kathryn Bigelow– ex de James Cameron), com orçamento de R$11 milhões (que é pouco), levou a melhor na noite de premiação em 2012, deixando o “Mithras” do cinema com um sorriso amarelo, já que esperava repetir a façanha de Titanic.

Não há inferno mais horrível quando comparado com a fúria de uma ex.

Para quem não sabe, Kathryn Bigelow esta finalizando um filme sobre a operação que culminou na morte do maior terrorista já procurado pelos E.U.A. A ideia já está na cabeça da bela diretora desde o ano passado, o evento anunciado por Barak “Osama” só fez ferver as ideias para o lançamento do filme.

Diante do que já falei sobre indicações ao referido prêmio parecem preferir filmes com temática de combate ao Terrorismo (como qualquer outro americano), Kathryn já pode ter lugar garantido na celebração do Oscar 2013.

Anúncios

Comenta aí, pô!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s