Muammar Kadafi morreu?

Hoje, durante um dos momentos mais marcantes de minhas obrigações profissionais (fechamento de folha), um ditador de visual exótico encontrava-se face to face com a morte.

Ou finado ditador de visual exótico, se preferir. Tudo bem, na foto do link que coloquei, Muammar Kadafi (desconsiderar as variantes gramaticais) parece o Falcão, mas creio que me fiz entender.

Pelo menos é o que anda rolando na internet e o povão não tem muita certeza em qual das notícias acreditar. O ditador da Líbia Muamar Kadafi (desconsiderem as variantes gramaticais) teria batido as botas em um conflito contra as forças do Conselho Nacional de Transição (CNT) em sua cidade natal Sirte. O governador italiano Silvio Berlusconi já declarou “A guerra acabou” e ainda teve tempo de elaborar frases de efeito em latim.

A escola de magia e bruxaria Hogwarts ficaria orgulhosa ao ver um trouxa usar latim.

A queda de Kadafi (desconsiderem as variantes gramaticais) aconteceu, conforme mencionado anteriormente, por ferimentos causados em um conflito direto com os integrantes do Conselho Nacional de Transição (CNT), que nada mais é do que a faceta política dos rebeldes. O ditador já estava governando a mais de 40 anos (desde 1969), o porta-voz das forças militares da OTAN (Coronel Roland Lavoie) afirmou ataque contra dois veículos nas redondezas de Sirte, porém, não foi mais longe do que isso e evitou fazer qualquer ligação do evento ao “diz que me diz” sobre o caso. A cidade de Sirte já era palco de inúmeros conflitos e atualmente é considerada “segura” para os habitantes voltarem e retomar suas vidas.

Interessante a noção que os rebeldes tem de “seguro”, vejam as fotos do estado atual da cidade clicando aqui e aqui e me digam onde está a segurança.

Ainda há muita especulação sobre o caso, visto que os combatentes/manifestantes/rebeldes acreditam ser uma boa ideia manter o corpo do ditador escondido, por motivos de segurança. O governo americano não assina em baixo das alegativas dos combatentes do Conselho Nacional de Transição (CNT) e ainda tem o canal de TV Al-Libya que afirma ser uma tremenda mentira a morte de Kadafi (desconsiderem as variantes gramaticais) e que o ditador goza de boa saúde.

Sendo constatada a morte ou não, os conflitos na Líbia e as manifestações nos países árabes de uma forma geral já fazem parte desta época que está escrevendo sua história de forma marcante. Tenha certeza de que seus filhos estudarão estes eventos em suas aulas de história e cabe a todos estarmos atentos para não fazer feio quando as perguntas começarem, afinal, as crianças já fazem parte de nossa história ativamente. Finalizo este rápido artigo com uma imagem curiosa:

No final das contas, Muammar Kadafi (desconsidere variantes gramaticais) também fez a alegria de muita gente na embaixada da Líbia (Brasília – df), além de grande sucesso com a criançada.
Entusiasmo!

Anúncios

Comenta aí, pô!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s